A Verdade Sobre os Poemas

Quantas borrachas gastei
Quantas noites virei
Quantas folhas rasguei
Para escrever pra você

Sobre algo que não sei
Sobre vidas que não vivi
Sobre sonhos que não sonhei

Esó agora descobri
Que o que me faltou
Foi humildade
De perceber que um poema meu
Jamais será um Drummond de Andrade

2 comentários:

  1. Os poemas são sempre tão lindos e inspiradores :)
    Obrigada pela visita no meu blog querida, já te estou a seguir.

    LOVE,
    JS photography

    ResponderExcluir
  2. Eu amei o seu poema, lindo .

    PS. Obrigada por visitar o meu blog.
    Bjuss Girl
    apenasumdiariovirtual.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Gostou? Deixe um comentário! =)
Caso não tenha conta Google, deixe como Anônimo e assine <3